segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Descrente

Ando sem acreditar, em nada, nem nas pessoas e nem no amor.
Ando cheia de problemas e não são meus, problemas dos outros que me procuram.
Ando torta e ao mesmo tempo reta. Ando sem saber o que quero mas querendo tudo.
Ando só na multidão.
E ando só porque quero. Parece deboche mas é isso mesmo.
Melhor 'sofrer só' do que 'sofrer só' estando acompanhada.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

TEMPO

Não consigo entender o porque que esse tal de TEMPO ajuda e atrapalha ao mesmo TEMPO.
Eu pensava que o TEMPO tinha ajudado: a superar aquele cara sem graça, a ser mais madura, ter mais certezas na vida.
Mas não, ele atrapalhou também. separando daquela tal pessoa que agora volta do passado pra dizer que esse TEMPO todo estava pensando em você.
Me diz TEMPO.. porque essa historia não aconteceu naquele TEMPO?
Porque você pode me fazer esquecer algumas historias e traz outras de um buraco que ja tinha enterrado e acimentado?
Eu não sei se dou mais um tempo ou se não perco tempo.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Para guardar.

Murilo diz:
Hoje falei de vc pra uma amiga minha
ela veio me pedir conselho
ela tava em dúvidas aí no q sentia por um cara
e queria saber se era amor ou não..Coisa do tipo.

Keylane diz:
hum.. =]

Murilo diz:
tava em dúvida se amava o cara ou ñ
aí eu citei vc
eu disse, olha.. já amei uma pessoa antes e foi assim..
aí ela chegou a conclusão q ñ ama tanto o cara
hasuhs
espero q eu tenha ajudado

Keylane diz:
e como ela chegou na conclusão?

Murilo diz:
tipo..

Keylane diz:
vc disse o q?

Murilo diz:
eu disse assim
eu tenho uma péssima memória, mas ela é a única pessoa q eu lembro a data d aniversário

Keylane diz:
*-*
foii vc me disse isso

Murilo diz:
consigo falar bem com todo mundo e nunca tive problemas com mulheres, mas ela é a única q eu fico nervoso e a voz falha e a mão treme
já fiquei com várias garotas e nunca fiz nada d tão inspirador por elas
com essa menina, eu sempre pensava em fazer o melhor
ñ consigo lembrar d nada q vivo com quem tá comigo, e com ela eu lembro até os dias em q sonhei
e disse outras coisas ainda

Keylane diz:
nossa

Murilo diz:
disse q lembrava qnd vc acabou pela 1° vez
e chegou na sala dizendo: tô solteira, tô solteira
e eu fui pra o final da sala comemorar um pouco
hasuhsusahusa
e falei pro meu colega q disse: vai lá falar com ela
e eu falei q ñ pq depois vcs irão voltar
disse q lembro tbm da segunda vez q vcs acabaram e vc ficou bem triste
e eu fiquei mais triste ainda pq vc tava daquele jeito e nunca tinha desejado tanto q vc voltasse pra ele como naquele momento
disse q se vc gostasse d uma banda no outro dia eu já tava com músicas no cel pra passar pra vc
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
e por aí vai
tem muita coisa q eu falei pra ela
e ela me conhece e sabe q eu ñ funciono assim
mas tave muito mesmo mesmo
coisa q vc nem lembra

Keylane diz:
é..
to vendo

Murilo diz:
se o concurso q eu tô estudando tivesse vc como assunto eu tirava 10
pq eu lembro d tudo
sabe aquela corrente q vc pegava??
a d prata?

Keylane diz:
hum rum

Murilo diz:
eu diminui ela
tirei uns 4 pedaços pra t dar no dia do teu niver
em 2009
mas deixei pra lá
até hj tá aqui no saquinho d presente
isso eu esqueci d dizer pra minha colega
depois eu conto

Keylane diz:
kkkkkkkkk
acho que ela ja teve noção

Murilo diz:
bem, eu sei q ela chegou na conclusão através disso
ée
^^
principalmente sabendo como eu sou

Keylane diz:
E como vc é?

Murilo diz:
tipo, com as mulheres eu enjoo fácil
se for essa a questão
ñ consigo passar muito tempo com uma pessoa
só a Fulana mesmo q eu aguentei tanto tempo
e qnd eu tô com alguém eu nunca faço nada d mais pra sustentar

Keylane diz:
mas você não a amava?

Murilo diz:
e nunca dou valor pra datas
nem pra pequenos detalhes
rapaz...
eu gostava muito dela, mas ela vacilou muito comigo
a única coisa boa q ela fez foi em alguns momentos ñ pensar em vc
ela me fez pensar menos com o tempo
mas me magoou muito
sem contar q ela sabia o q eu sentia por vc

Keylane diz:
ela vacilou como?

Murilo diz:
deixa eu ver....
tipo, eu sou arrogante, mas ela  era muito mais....
e teve outras coisas q eu ñ quero entrar em detalhas
detalhes
ñ foi traição, tanto pq a gente ñ tava juntos no tempo
mas envolve outra pessoa sim
mas o q me magoou foi como aconteceu
ela ainda pede pra voltar mas eu prefiro ficar na minha

Keylane diz:
hum rum.
entendo

Murilo diz:
mas respondendo aquela sua pergunta... nunca amei a Fulana
só gostei e pra mim isso é muito pra tá do lado d uma pessoa por muito tempo

Keylane diz:
oa
diz um nome que vc gostaria de ser chamado

Murilo diz:
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
sei lá, feio
nunca me chamaram assim
queria saber como é

Keylane diz:
serio pow
¬¬'
NOME
pode ser apelido tbm

Murilo diz:
ah tá
hasuhsausahu
humm
nome.. murilo sempre achei bonito
Gabriel, Daniel..
é isso?

Keylane diz:
é isso
murilo
=]

Murilo diz:
pq ??

Keylane diz:
pq
=]
preciso guarda a conversa de hoje

Murilo diz:
oxe, e o q o murilo tem a ver??

Keylane diz:
que vai ser o nome que vou dá a vc

Murilo diz:
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
fala sério
amanhã vc esquece disso
sempre esquece

Keylane diz:
não
estará no meu blog
=X

Murilo diz:
kkkkkkkkkk
quero ver
ahh tô ligado
é tipo q um nome d um personagem?

Keylane diz:
isso
quase isso

Murilo diz:
ok então
mas a história tá incompleta ainda
bem incompleta

Keylane diz:
falta o q?

Murilo diz:
as outras coisas q eu falei pra minha colega
pq aqui eu só contei uma parte

Keylane diz:
to esperando a outra parte

Murilo diz:
ahh, vá perguntar ao murilo
ele deve saber da história tbm

Keylane diz:
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
vai dizer não?

Murilo diz:
haushsuhusahsu
eu disse a ela tbm q me imaginava namorando com vcdireção
e vc ñ tava na hora
a mulher olhava pra mim e com o olhar dizia: sou sua, é só vc querer
detalhe: é só sonho mesmo pq  a mulher mais linda do mundo nunca faria isso comigo
daí eu olhava pra frente, sorrindo, e pensava: sou mais a minha!

Keylane diz:
kkkkkkkkkkkkkk
exagerouuu
=X

Murilo diz:
disse a ela que tive cinco sonhos com vc
o 1° foi num sábado e sonhei q vc acaba o namoro
na segundo foi chegou contando a novidade
q tava solteira
lembro tbm do segundo sonho, foi num domingo
e mais uma vez vc chegou na segunda dizendo q tinha acabado
mas agora vc tava triste
disse a ela q desde de 2008 pra cá, toda vez q a gente se encontra vc tá solteira
disse a ela q minha mãe me disse, qnd eu tinha 7 anos d idade, q a gente percebe q tá amando alguém qnd nosso corpo fala
a voz gagueija, a mão fica trêmula, as pernas tbm, e quase ñ se engole nada
eu disse a ela q minha mãe tava certa
pq isso aconteceu depois d 2 anos q eu ñ t via
na UFAL
ahh, meu dedo tá cansando
e vc já tá sabendo d mais
é minha biografia
vou escrever um livro um dia e vc tá roubando isso d mim

Keylane diz:
kkkkkkkkkkkkkk

Murilo diz:
humm
é pra continuar?

Keylane diz:
tem mais?

Murilo diz:
hanram
tem os outros 3 sonhos e outras lembranças
já é o nome d um capítulo isso
haushasuhsausahu
mas é melhor parar por aqui

Keylane diz:
falaa

Murilo diz:
kkkkkkkk
bom saber q minha vida, ou pelo menos aquilo q foi tão importante vai dar uma pág. do seu blog
é estranho

Keylane diz:
pq estranho?

Murilo diz:
sei lá
consigo explicar ñ
mas..
acho q o mais importante mesmo eu já disse
eu tinha dito pra ela tbm q certa vez vc ligou pra mim pra eu levar uma camisa pra vc pq vc ia gazear
haushasuhaus

Keylane diz:
eu não
que vergonhaaaaaa
kkkkkkkkkkkkkkkk

Murilo diz:
só q eu tava doente, e ñ ia pra aula e ainda tava sem crédito
depois d 3 minutos eu coloquei crédito, mesmo doente, e liguei pra vc dizendo q ia ligar pra alguém levar
e vc disse q já tinha conseguido
disse uma vez q gostava de catedral e no outro dia eu já tava com o cd
sou muito besta vei
pode falar
kkkkkkkkkkkkk
e outra vez vc reclamou do seu fone pq era grande, e no outro dia eu vim com uma borrachinha pequena
q eu rezava mais por vc do q por mim

Keylane diz:
T.T

Murilo diz:
e gostava disso
e gostava tbm d saber q as vezes eu pedia pra Deus colocar alguém muito bom em sua vida e ñ ficava triste com isso
mesmo sentido tudo isso por vc
lembro até o 1° abraço q vc me deu
q vc na festa d despedida
pq era despedida né, e pelo menos nessa hora tinha q ter abraço
^^
e outras coisas q eu ñ posso falar
pronto
encerro por aqui
tem muita coisa já pro seu blog




(baseado em conversas reais)

domingo, 12 de dezembro de 2010

Pare com isso.

Ei, o que você vai fazer????? Esperaaaa!!
Não me toque, não oooooooooouse fazer isso.
Você vai fazer isso comigo POR CAUSA DELA?
Ela que você tá a pouco tempo?
E eu? Que estou a muitos anos na sua vida, te mostro o que é carinho, amor, atenção, dedicação e as melhores lembranças e no fim você resolve preferir a ela, uma estranha? Pensa um pouco seu bobo. Se eu for, nunca mais volto.
O quê??
Você não se importa?
ME SOLTE AGORA!!!
Eu sei que acabou.
Não to pedindo pra voltar a ser como antes, só não quero que você me faça mal.
Tá vendo essa mancha aqui seu idiota? Ela ta aqui desde que você chorou quando eu entrei na sua vida, ta esquecido o quanto feliz você ficou quando me recebeu?
Me leia novamente, palavra por palavra, recorde o amor que você tinha e não deu valor.
Essa dai nunca vai fazer uma igual a mim, ela não tem sentimentos por você pra escrever algo tão lindo.
Issooo.. me guarde, não me importo de esta no fundo da gaveta cheirando a naftalina só quero ser uma prova do quanto ela te amou.

Obrigada.

Nunca mais pense em me rasgar tá certo?
Eu faço parte da sua vida e mesmo que um dia você me rasgue, mesmo assim, não deixarei de existir.

sábado, 4 de dezembro de 2010

Administração Ufal 2008.1 noturno.

Hoje foi a confraternização da minha Turma de Administração lá da Ufal.
3 ano juntos. Que alegria ter vocês perto de mim diariamente.
E vamos que vamos pro 7º periodo...





      (Nay, Everlys, Alê, Paulinha, Amanda e Amelinha)

(Luiz, Rafael, Wendel, Nay e Marcelo)


(Desistindo de jogar empressadinho depois de perder 
                        as duas primeiras partidas)



 
                                                                             Nay e Amelinha

              (Rodrigo, Marceli, Wendel, João Paulo, Yure, Nay)
 
Tudo junto e misturado.



sexta-feira, 19 de novembro de 2010

No acaso perdido.

E no sem-querer querendo da vida. Eles se encontraram.

Não era mais um encontro rotineiro do trabalho era 'O' encontro. Os olhos se cruzaram e ela ficou paralisada e muda, impossível de imagina-lá muda, mas aquele momento era esperado.
Ele ficou admirando de longe com aquele olhar que a deixava perdida.
Incrível. Cadê música? Cadê as pessoas? Cadê porque? tudo que queriam estava bem na frente e cada passo aproximava da felicidade.
Ele chegou bem perto e deu aquele sorriso. Ela já estava derretida. Sorriu também.
Não tinha mais o que falar. Eles se tornaram frases concluídas.
De repente aquele beijo calou toda espera e ansiedade.
E logo depois riram imaginando como seria a reação dos outros.
Seria surpresa ou já estava na cara que eles se queriam?

sábado, 6 de novembro de 2010

Vai tempo passa...

Odeio me sentir assim, impotente.
Odeio te ver sofrer e não poder fazer nada, até faço, rezo para Deus adiantar os ponteiros e todo esse sofrimento acabar de uma vez.
Que chegue logo a ultima sessão de sofrimento.
Não consigo te ver com esses olhos fundos, de quem não dormiu nada a noite.
Isso doí de uma maneira que não consigo explicar. É uma dor bem no fundo, na alma.
Quero te colocar no colo, te confortar e te tratar da mesma maneira que me tratou quando criança, cuidando de mim e me dando carinho.
Ah.. mãe eu te amo tanto, faço o meu melhor. Quero te dizer que se pudesse trocaria de lugar com você.
Que saudades tenho do seu sorriso, quando ele voltar, nunca mais deixarei ir embora.

domingo, 31 de outubro de 2010

Atualmente

- Como você está?
- Como você acha que estou?
- Desculpa, não deveria falar com você.
- E porque diabos você ainda fala comigo?
- Porque eu gosto de você, acredite.
- Não acredito em nada que você fala. Você só sabe mentir. E não acredito que você goste de alguém, você nem gosta de você. Você se maltrata tentando evitar que sou eu quem você quer, que sou eu quem você ama, aí fica por aí procurando alguma mulher parecida. Alguma mulher que tenha meus traços, meus gestos e minha vida. Você é ridículo. Desculpa mais isso sim não é mentira.
- Eu tento com outra porque você sabe que não vamos dá certo juntos. Já tentamos milhões de vezes e não damos certo.
- E você acha que eu quero ficar você? Você acha que eu quero tentar? Eu quero que você me esqueça. Eu quero te esquecer, mas você não deixa. Não venha com desculpa querendo saber como eu tô. Sabe como eu estou? De SACO CHEIO disso tudo. Quero que você se exploda.
- Mas eu te pergunto como está, como um amigo.
- ahhh... vai te ferrar. Que porra de amigo que nada.
- É serio, eu tenho um carinho enorme por você, eu só estou apenas seguindo minha vida.
- É difícil seguir sua vida sem nunca mais falar comigo? Sem querer saber como estou?
- É sim. Acho que não preciso deixar de falar com você. Até porque você fez parte de uma das melhores fases da minha vida.
- Pois eu acho que não é. Eu não quero mais falar com você, tá me entendendo? E essa fase aí... já passou. Morreu, enterrou e não vai ressuscitar mais nunca. Porque você gosta de iludir. E eu não me iludo mais com você. É por isso que eu sou diferente, porque eu te conheço e sei quando tá afim de alguém ou não. Como sua formula mágica não funciona mais comigo você tenta com outras e sinceramente: Coitadas.
- Eu não te iludi em nada. Eu amo você
- Não mesmo. Olha.. essa merda de conversa não vai levar a nada. Espero que tenha no mínimo consideração por mim e não fale mais comigo.
- Você não leu a parte "Eu amo você"?
- Li sim, mas para mim isso é uma despedida. Soa como um tchau. Um adeus.
- Isso é realmente o que sinto.
- Tá mas agora tenho que ir. Da mesma forma que você tenho que achar alguém para tentar. Só que diferente que você. Eu não iludo.
- Espero que você seja feliz.
- Eu também espero isso de mim. xauzinho. =*
- beijOs. =*


(baseado em conversas reais)

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Re - Volta

Sabe quando seu coração volta a bater por uma pessoa, depois de cansado de bater por outra, ele dá a volta por cima e acredita novamente que pode ter vida?
Talvez para tentar algo novo, talvez para ser feliz, talvez para se enganar ou talvez para ser quebrado.
O fato é que ele bate e que as borboletas no estômago fazem a boca sorrir. Pode ser impossível ou até temporário, mas a sensação é boa.
E você sabe né? Coração que não acelera, morre. Eu preciso me nutrir disso, até para amenizar um torpor, estava ficando roxa e agora estou corada.
Ah.. os olhos estão brilhando no lugar daqueles opacos e perdidos.
É ... definitivamente isso é muito bom.

domingo, 17 de outubro de 2010

Quem sou eu?

Sou exagero. Sou liberdade acompanhada.
Tenho os melhores amigos, poucos, mas os que me fazem feliz.
E normalmente eles são o meu oposto. Igualdade não é meu estilo.
Sou amiga somente dos meus amigos e com os outros sou no máximo simpática.
Sou sorriso, gargalhadas, reclamação, preguiça, nostalgia e muita saudade.
Sou temperamento forte em pessoa. Quase nunca aguento desaforo calada.
E quando aguento tenho motivos fortes para isso.
Sou louca por chocolate.
Sou sincera e falo a minha verdade, que pode mudar com o tempo e virá mentira.
Acredito que toda mentira repetida muitas vezes vira verdade.
Sou metida-a-besta, orgulhosa controladora e critica.
Sou apaixonada por Administração e por letras de músicas.
Sou do tipo que você conhece a vida em apenas uma hora de conversa, não tenho medo de falar do meu passado.
E os únicos segredos que não sei guardar são os meus.
Tem pessoas que não gostam de mim. E eu as entendo perfeitamente.
Ás vezes nem eu me aguento, não me suporto e não quero me ver.
Mas também tem pessoas que gostam de mim só pelo o meu jeito irônico e bipolar.
Gosto de uma balada, de ver gente, de observa-las e avalia-las,
mas também não dispenso ficar em casa, me isolar e sumir.
Gosto de malhar mas não me esforço para isso.
Santo Antônio é afim de mim, pois só me manda praga. Quer me ver eternamente solteira.
Não sei demonstrar interesse, ou pareço apaixonada demais ou "nem ai" demais.
Não gosto de adular ninguém a nada e muito menos de ser adulada.
Tenho na veia um sangue Vermelho e preto, Flamenguista doente.
Sei perdoar e sei pedi perdão quando estou errada.
Não consigo deixar nada pra depois.
Quando quero, quero agora porque amanha posso não querer mais.
Odeio esperar, apesar que espero.
Adoro discutir, provocar ou então deixar no vácuo.
Não sei cozinhar mas adoro comer.
Não sei dançar mas danço.
Não sei amar as pessoas pela a metade e nem ser pela metade.
Não falo com quem não quero.
Não consigo segurar risos e lágrimas.
Os meus inimigos mantenho por perto, pois quando não posso com eles me junto a eles.
Topo qualquer programa de uma amiga, de um nascimento até um vélorio.
Tenho medo de perguntas pessoais e pego nojo das pessoas fácil.
Tenho noites escuras mas assim que amanhece me sinto melhor.
Amo meus pais incondicionalmente e a Deus mais que tudo na vida.
E o principal: Não sei me definir.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Saia moça.

Que mania é essa moça? De chegar quando estou embriagado em outra paixão.
De me procurar quando já jurei ao mundo que não te amo mais. De perguntar como estou
quando sabes que estou por ai, vagando pelo o mundo.
Que jeito é esse moça? De me tratar bem, quando a maioria me trata como um cachorro.
De me olhar com carinho me transformando em Rei. De ter sempre razão.
Que sentimento é esse moça? Que não me deixa ir embora. Que pula aqui no meu peito.
Que não consigo arrancar de nenhum jeito.
Que porra é essa moça? Só queria viver sem sua sombra. Sem lembrar dos momentos felizes.
Sem chorar de dor.
Eu sei. Eu não evito falar com você moça. Eu não consigo te bloquear na mente.
Mas faça isso por mim.
Me esqueça.

domingo, 10 de outubro de 2010

Pré - Sentimento

Eu poderia te ligar agora para dizer o aperto que sinto no meu peito, sim.. tenho sexto e ate milessimo sentido em relação à você. Ando sentindo um dedo tocando na ferida aberta do meu coração e sei que está próximo desse dedo perfurar minha alma. Estou perto de entrar em uma fase terrível. Eu sei, eu vi, eu senti e eu ouvi. Se não fosse a certeza que é só uma fase não sei se seria possível seguir por esse período de pé. É incrível e não é a primeira vez. Eu deveria te ligar para contar, talvez você acreditasse em mim quando digo o que sinto ou talvez só achasse que eu fosse louca. Não, eu não posso te ligar. Eu tenho que secar as minhas lágrimas, limpar a maquiagem, aceitar o que vai chegar e esperar o fim de tudo,
como já disse não é a primeira vez que vejo e sinto isso.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Comer, Rezar e Amar - Elizabeth Gilbert





- O que você tem que está toda ensimesmada? - pergunta ele com seu sotaque arrastado,
com um palito na boca, como de hábito.

- Não pergunte - respondo, mas em seguida começo a falar e lhe conto tudinho, concluindo com: - E o pior de tudo é que não consigo deixar de pensar obsessivamente no David. Pensei que tivesse esquecido ele, mas está tudo voltando.

- Espere mais seis meses, vai se sentir melhor - diz ele.

- Eu já esperei 12 meses, Richard.

- Então espere mais seis. Vá somando mais seis meses até esquecer. Essas coisas levam
tempo.

Solto o ar pelo nariz com força, como um touro.

- Escute aqui, Sacolão — diz Richard. — Algum dia você vai olhar para trás, para este
momento da sua vida, e pensar que época deliciosa de luto ele foi. Vai ver que estava
lamentando a sua perda, e que o seu coração estava despedaçado, mas que a sua vida estava mudando, e que você estava no melhor lugar possível do mundo para fazer isso: em um lindo lugar de adoração, cercada de graça. Aproveite esse tempo, aproveite cada minuto. Deixe as coisas se resolverem aqui na Índia.

- Mas eu amava ele de verdade.

- Grande coisa. Você se apaixonou por uma pessoa, e daí? Não entende o que aconteceu?
Esse cara tocou um lugar do seu coração mais profundo do que você pensava que era
capaz de alcançar. Em outras palavras, você foi fisgada, menina. Mas esse amor que você
sentiu foi só o começo. Isso é só o amor mortal, limitado, café com leite. 
Espere para ver como você é capaz de amar mais profundamente do que isso. Nossa, Sacolão... você tem a capacidade de um dia amar o mundo inteiro. É o seu destino. Não ria.

- Não estou rindo. - Na verdade, eu estava chorando. - E, por favor, não vá você rir de
mim agora, mas acho que o motivo pelo qual é tão difícil para mim esquecer esse cara é
que eu realmente achava que o David fosse a minha alma gêmea.

- Provavelmente era. O problema é que você não entende o que essa expressão significa.
As pessoas acham que a alma gêmea é o encaixe perfeito, e é isso que todo mundo quer.
Mas a verdadeira alma gêmea é um espelho, a pessoa que mostra tudo que está prendendo
você, a pessoa que chama a sua atenção para você mesmo para que você possa mudar a
sua vida. Uma verdadeira alma gêmea é provavelmente a pessoa mais importante que você vai conhecer, porque elas derrubam as suas paredes e te acordam com um tapa. Mas viver com uma alma gêmea para sempre? Não. Dói demais. As almas gêmeas só entram na sua vida para revelar a você uma outra camada de você mesmo, e depois vão embora. Acabou, Sacolão. A missão do David era acordar você, tirar você daquele casamento do qual você precisava sair, destroçar um pouquinho o seu ego, mostrar para você os seus obstáculos e vícios, despedaçar o seu coração para uma nova luz poder entrar, deixar você tão desesperada e fora de controle que você fosse obrigada a transformar a sua vida, e depois apresentar você à sua mestra espiritual e sair fora. Essa era a função dele, e ele foi ótimo, mas agora acabou. O problema é que você não consegue aceitar isso, que esse relacionamento tinha um prazo de validade bem curto. Você parece um cachorro cheirando lixo, baby... fica lambendo uma lata vazia, tentando tirar mais comida lá de dentro. E, se você não tomar cuidado, essa lata vai ficar presa no seu focinho para sempre e tornar sua vida infeliz. Então largue isso.

- Mas eu amo ele.

- Então ame ele.

- Mas eu sinto saudade dele.

- Então sinta saudade. Mande um pouco de amor e de luz sempre que pensar nele, depois esqueça. Você só está com medo de largar os últimos pedacinhos do David porque aí vai estar sozinha de verdade, e Liz Gilbert morre de medo do que vai acontecer se ficar realmente sozinha. Mas o que você precisa entender é o seguinte, Sacolão. Se você liberar todo esse espaço na sua mente que está usando agora na sua obsessão por esse cara, vai descobrir um vazio ali, um espaço aberto... uma entrada. E adivinhe o que o universo vai fazer com essa entrada? Ele vai entrar... Deus vai entrar... e vai encher você com mais amor do que você jamais sonhou. Então pare de usar o David para fechar essa porta. Esqueça isso.

- Mas eu queria que eu e o David...

Ele me interrompe.

- Está vendo, é esse o seu problema. Você quer coisas demais, baby. Parece uma galinha tentando quebrar o próprio ossinho da sorte.

Essa frase me arranca a primeira risada do dia.

Então pergunto a Richard:

- Então, quanto tempo este luto vai demorar a passar?

- Você quer saber a data exata?

-É.

- Uma data que você possa marcar no seu calendário?

-É.

- Deixe eu te dizer uma coisa, Sacolão... você precisa parar com essa mania de querer controlar tudo.

Ao ouvir isso, minha raiva me consome como um fogo. Mania de querer controlar tudo?
EU? Penso até em dar um tapa em Richard por causa desse insulto. E então, bem lá do
fundo da intensidade da minha indignação ofendida, vem a verdade. A verdade imediata,
evidente, risível.

Ele tem toda razão.
O fogo sai de mim tão depressa quanto entrou.

- Você tem toda razão — digo.

- Eu sei que tenho razão, baby. Escute, você é uma mulher poderosa e está acostumada a conseguir o que quer da vida, e não conseguiu o que queria da vida nos seus últimos relacionamentos, e isso te deixou  toda travada. O seu marido não se comportou como você queria que ele se comportasse, e o David também não. Dessa vez, a vida não fez o que você queria. E nada deixa uma controladora mais puta da vida do que a vida não fazer o que ela quer.

- Por favor, não me chame de controladora.

- Mas você é controladora, Sacolão. Fale a verdade. Ninguém nunca disse isso para você antes?




(Capitulo 48, págs 157, 158 e 159)

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Na alma.

Quando o câncer é descoberto é também diagnosticado um câncer na alma dos que amam aquele que está enfermo.
Sofremos as mesmas dores emocionais, e ainda sofremos calados, temos que mostrar confiança e otimismo mesmo que a vontade seja de chorar e gritar dizendo que não é justo isto acontecer, logo com quem? Com a pessoa que mais amo na vida.

Pensamos na possibilidade de separação como algo tão próximo e na verdade isso é algo sempre próximo da gente, podemos perder as pessoas que amamos em um acidente sem precisar de doença alguma. Nesses momentos damos mais valor à vida.

Mas tenho que confessar que não sabia que um dia daria tanta importância a algo que julgava como fútil. No começo quando descobriu o carcinoma pensei na quimioterapia como algo simples (mas não fácil): toma a dosagem, vai para casa, tem enjôos e depois passa alguns dias e ta bem novamente para a próxima. Ahh... o cabelo? Cabelo cresce e enquanto não cresce peruca dá jeito!! Afirmava tão bobinha e tão tola.

A quimioterapia tem um sofrimento muito mais emocional do que físico.

Ver o cabelo “derretendo” é algo que não tem explicação. Juro que nunca dei muito valor a isso, mas a queda de cabelo te lembra a cada segundo a doença. É visualmente falando o quanto àquela pessoa está sofrendo. Acho que estou em choque por isso. Minha mãe anda um pouco triste, sei que vai passar. Enquanto não passa vou segurando na mão daquEle que me sustenta.





Segunda quimioterapia hoje. Vai dá tudo certo.

domingo, 3 de outubro de 2010

Msn 01


Ele diz: você não notou ainda?
Ela diz: o que?
Ele diz: você pode beijar quem quiser, pode namorar com quem você quiser, fingir que ama quem quiser, e depois quando essa ilusão toda passar, você vai dizer que vai seguir em frente, vai andar pra frente, só que você não se deu conta que a vida é um círculo, e na ponta desse círculo eu vou está lá. Pra sempre.
Ela diz: T.T




(baseado em conversas reais)

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Palavras.

Verde, amor, amor, amor, sorriso, alegria, felicidade, amor.
Sentir, amor, olhos, amor, amor, amor, amor.
Cabelo, amor, amor, chão, amor.
Deus, Mãe, amor, amor, vida, amor.

sábado, 25 de setembro de 2010

Nada mudou.

- Tá vendo aquele sofá ali? Cobri.
O cachorro? empalhei.
E aquela mancha na parede? cuidei.
Seu sapato velho no tapete? Está esperando seus pés.
O corte de cabelo, o olhar, a preguiça, a mania e a tristeza.
Parou no tempo..
Olha... esse coração aqui? Bate do mesmo jeito que aquele primeiro dia.

Meu amor, o sentimento não mudou.
A esperança continua a mesma.



=T

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Óbvio.

Ele estava lá, sentado no banco, com o celular na mão, olhando o mar e esperando o óbvio.

Ela simplesmente não foi e não avisou que sua tia adoeceu, que tem um trabalho urgente para entregar ou qualquer desculpa que o faria manter a esperança que queria mas não poderia ir. Deixou o silêncio.

Situação normal, sempre fugia daquilo que poderia fazer-la feliz, gostava da agitação dos bares, das paixões da noite, da bebida exagerada, das bocas sem cobranças, dos olhos de desejos, das companheiras de festas e do seu quarto vazio.

Ela fugia sim e admitia isso. Fugia do barulho que ele fazia nela, fugia daquilo que poderia tirar o sossego, o sono, a fome e o choro. Ela preferia ficar com o presente sem se preocupar com o futuro. Ele queria o futuro e não se preocupava com o presente, o presente que era torturante, vê-la em outros braços e errando cada dia mais.

No futuro ele estará com outra e ela estará sentada, com o celular na mão, olhando o mar e esperando o óbvio.

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

"...A sorte é preciso tirar pra ter..." ♬: Acho que te conheço

"...A sorte é preciso tirar pra ter..." ♬: Acho que te conheço: "
" Vidinha, acho que conheço todos os seus pedaços. Acho que conheço o teu verdadeiro, tão explanado, mas que confunde qualquer iniciante. Ei, amora, acho que conheço teus passos, já senti teus abraços e tuas respostas já sei. Ei, kekinha, tira essa cara de durona, coloca aquele sorriso e pinta as bochechas de rosa, porque você é MAIS você ASSIM. Ei, querida, aquela premonição que só você tem eu traduzi no instante quando nos encontramos na amizadade. Ei, amiga, fica sempre perto. Meu coração ta esperto e quer te ver brilhar.


(Pra fofíssima, íssima, íssima amiguíssima, íssima, íssima - Keylane.)"



postagem da minha Gêmula. *-*

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Quimioterapia


Desculpem estava sumida, acho que depois da segunda cirurgia não consegui tempo pra vir aqui.
Não é nada fácil acompanhar uma pessoa querida, mais que querida, acompanhar a sua Mãe para ser submetida a cirurgias e sessões de quimioterapias e não poder fazer nada pra tira-la daquilo. Se senti um nada diante da doença. Sinceramente eu sei que ela nem imagina o que sinto, que ela olha para mim e ver uma fortaleza diante desse problema, mas nem imagina o quanto de lágrimas já derramei e o quanto de orações já supliquei ao Pai de toda as coisas que a livrasse disso.
Segunda feira passada dia 13/09 mainha fez sua primeira quimio, estava animada e depois de um show do Pe. Fábio que fomos no domingo ela era animação em pessoa, tudo deu certo. Terça tudo bem também. Já na quarta ela começou a ter enjoôs e vomitar, sentir cheio de qualquer coisa a deixa mal.
Hoje ela ta bem, feriado aqui em alagoas, família veio aqui.
Casa cheia e muita conversa pra não deixá-la triste.




A preocupação dela agora é o cabelo. Amanha sairemos para comprar a peruca.




Foto: Eu, painho e Mainha. *-* No show do Pe. Fábio.









beijosGentem. =*

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Segunda cirurgia.


Estou criando o péssimo habito de vir aqui quando estou mal ou triste pra desabafar, mas vou mudar isso.. a parti de amanha porque hoje... sim, hoje tinha tudo pra ser um dia perfeito.

Vou começar falando da cirurgia.
Passei por experiencias que me marcarão pro resto da minha vida; Cada senhora.. com os olhos brilhando e esperando o milagre acontecer. Cada religião que lá expressava uma só fé.. que Jesus Cristo estava la conosco e que iria nos ajudar.
Dessa vez fui com conciencia do que me esperava: uma despedida que duraria horas, uma dúvida, uma certeza, uma fé e um amor. Saberia que essas duas horas seriam as mais longas da minha vida e foi. Mas tudo foi esperado.
Poderia dizer que a segunda cirurgia foi um replay da primeira só que com um pouco mais de coragem e certezas.

Mainha chegou ontem e tava tudo bem.
É depois da cirurgia.. de passar uma semana la com ela, voltei.
Tudo deu certo.
Cirurgia feita e agora graças a Deus só falta o tratamento: quimioterapia ou radioterapia, ainda não sabemos.


Hoje depois de alguns motivos ela veio a chorar.
Sabe o que é melhor do que receber Dengo de mãe? É dá dengo a mãe. É o cuidado, o consolo e a motivação.
É lembra-la da fé que ela tem, do Deus que cuida e que ama.
Deitada na cama junto a ela, queria ler seus pensamentos e tirar todas as dúvidas e medos e que existem. Não tem o porque disso. O pior ja passamos. Agora é so terminar de lutar e esperar a vitoria.

Mesmo com todo sofrimento estou vivendo a fase mais linda da minha vida.
Claro que se pudesse "afastar este cálice" eu ficaria grata. Mas também agradeço pelo o crescimento.



E amanha estarei melhor. =]

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Amar

Depois de uma noite em claro em meio a soluços e a lágrimas que não estancam, fica difícil voltar o sorriso que quase nunca sai do meu rosto.
É impossível ouvir de quem se ama um "Quero desistir e esperar a vontade de Deus". Como se desiste de quem se ama? Como esperar uma vontade que ninguém sabe se é a Dele?

Quem ama não desiste.
Mesmo com a pessoa amada no auge da insanidade, da dor física, vegetando, sem condições de continuar.. quem vai dizer que é melhor desistir? Quem vai deixar de acreditar na vitória?

Quem ama Luta.
E luta com todas as forças e contra tudo. Imagina-se lutando contra uma doença que vc não pode lutar. Imagina aniquilando os inimigos imaginários e reais. Sem medir esforços.

Quem ama suporta.
E mãe, mesmo que vc estivesse sendo um fardo na nossa vida. Suportaríamos tudo por vc.
Na verdade pra quem se ama nunca, mas nunca mesmo, a pessoa amada é um fardo, pelo o contrario, temos o prazer do cuidado, de morrer pra algumas coisas, de doar o nosso tempo e nossa vida.
E eu irei pra onde for pra ver sua cura acontecer.
Para quem ama não existem barreiras que não se possa passar.
Para quem se ama, amar é o melhor a se fazer.


Isso tudo vai passar.
Eu sei e Deus sabe o quanto grata eu sou por isso.





Desculpem.
Mas precisava desabafar.

sexta-feira, 4 de junho de 2010

31/05 a 04/06

Olá pessoas. Difícil contar essa ultima semana em 1 dia mas vou tentar.

Domingo: Viagem pra recife, casa da tia. (Meus Deus.. ela é o clone da minha avó, como pode em? fiquei impressionada com tanta semelhança.)

Segunda: ida ao Hospital do Câncer de Pernambuco para se internar. Foi nesse momento que comecei a vivenciar a melhor experiência da minha vida. Vendo cada caso, cada pessoa ali (e não eram poucas), cada tipo de câncer, cada historia que se repetia e cada demonstração de fé, eram como uma injeção na minha consciência, introduzindo um ano de experiência. Fiquei como acompanhante. Quarto dividido com uma senhora (vozinha) que já tinha feito a cirurgia na sexta (caso bem mais complicado que o da minha mãe). Confesso que o dia passou rápido com as ligações. O mais difícil foi depois que mainha tomou o remédio pra dormir. O tédio tomou conta daquele quarto, o que só ouvia eram os carros passando na rua, atrapalhando meu sono. Varias vezes acordei assustada olhava pra minha mãe e me aquietava, em uma das vezes ela jah tava acordada me chamou pra perto dela, dormir um pouco com ela.

Terça: As horas pareciam anos. 7hs da manha desci pra tomar café, quando vou entrando novamente no hospital já encontro painho (niver dele), tia Maria e Betânia na porta. Achei estranho pois a cirurgia tava marcar pra 10hs mais ou menos. Enfim.. subi com a Betânia. Quando chego no quarto mainha já se arrumando. Aquele foi o momento mais doloroso, quando mainha subiu na maca, segurou na minha mão e disse que me amava. Mesmo que eu tivesse toda força e confiança no mundo (e eu tinha) não iria conseguir não chorar. Ver minha mãe sendo carregada ate a sala de cirurgia foi a pior cena da minha vida. Ser impotente é frustrante. Ela entrou na sala as 8:30.. fui a capela do hospital com minha tia e meu pai, as bolinhas do terço passavam por meus dedo, minha boca suplicava a oração.. mas minha cabeça estava lá na sala de cirurgia. As ligações de preocupação de todos os familiares me deixava ocupada por um tempo.. mais aquela uma hora e meia de cirurgia foi a eternidade para mim. Soube que a dra. que ia operar minha mãe quebrou o pé na segunda, mas por providência o pai dela que iria fazer Dr. Paulo o diretor da mastologia do hospital, fiquei ate um pouco melhor depois dessa noticia. Até que Betânia liga e avisa que a cirurgia foi um sucesso e que ela jah tava consciente na sala de recuperação. Tirei 250kg do meu ombro, era a pessoa mais feliz da face da terra (claroo.. junto com meu pai), meu sorriso enfim voltou a aparecer, minha gratidão a Deus não foi pequena e nem difícil de demonstrar. Corri pro Hospital. Fui ao quarto dela esperar a chegada. um pouco de espera mais logo vi minha mãe. Que disse soltou um: Te amo mais lindo da face da terra, o mundo poderia acabar ali. Deixei minha tia como acompanhante (muito mais experiência que eu.) Descansar um pouco pra voltar no horário da visita. voltei.. vi mainha e tudo ótimo. =]

Quarta: Mainha acordou bem. Mais deu um susto na gente passando mal no horário da visita e no fim da noite. Tudo por causa do psicológico abalado. Não dormir nadinha.

Quinta: Troquei com minha tia e fiquei como acompanhante. Medica foi olhar mainha e viu que só era gazes. Passou a Psicóloga e nutricionista. Melhora dela de 100%.


Sexta: Tirou o dreno e Alta. Festinha de niver do meu pai e comemoração pela a alta da mainha. *-*


Hoje voltei pra maceió com o painho e primo.
Mainha vai ter que ficar la por um tempo. Espero que breve.
Enfim cheguei.

terça-feira, 4 de maio de 2010

A espera

Não existe nada pior do que esperar.
Esperar uma semana, um dia, uma hora ou apenas um segundo.
Ontem mainha acordou mal, bem triste e deprimida mas só foi meus tios chegarem para animar.
A noite fomos pra o grupo de oração da Divino, Laercio Oliveira da CN lá.
Que noite perfeita.

Entregando tudo a Deus.
^^

E noticias boas.

Conseguimos consulta em Recife e a cirurgia.
Mas fiquei com o coração bem apertado porque não pude ir com ela.
=/

Na verdade estou péssima.
Queria ter ido.
E agora to aqui... só esperando noticias.


"Senhor eu sei que tu me sondas"

sábado, 1 de maio de 2010

Enfim.

Acordei.
Mais gente do Interior (Palmeira dos Índios) chegando.
Almoço em família.

*-*

Shopping com mainha e Amanda.

Depois Fui pra o retiro.
A adoração estava marcada paras 20:00hs, mais esse horário foi o que cheguei do shopping.
Me arrumei na pressa... mas só consegui chegar la as 21:00hs.

E vocês nem imaginam... Jesus me esperou.
Cheguei nem tinha começado.
Consegui falar com meus amigos.
Thay, Eli, Fazinha.

Quando começou a adoração.
Luiz pediu pra olhar pra Jesus. Meus olhos ainda não o enxergava mais eu já soluçava de tanto chorar. Me ajoelhei e esperei Ele passar por mim.
Tive um conversa seria. Digna de ser chamada de DR (discuti relação).
Entreguei meus sonhos e planos nas mãos Dele.
A adoração terminou.
Mais não conseguia para de Chorar.
Ainda mais com os abraços que recebi, pois é.. choro acumulado causa isso.
Gil chegou pra mim e deu aquele abraço que eu tava desejando.

Tanta gente me confirmando que vai dá tudo certo.
E eu confio.
As vezes bate um medo. Mas isso é normal néh?
Sou humana, tenho minhas duvidas.
Eu sei que tudo passa.



A noite antes de dormir:




"Ao mestre de canto. Salmo de Davi.
Senhor, alegra-se o rei com o vosso poder, e muito exulta com o vosso auxílio!
Realizastes os anseios de seu coração, não rejeitastes a prece de seus lábios.
Com preciosas bênçãos fostes-lhe ao encontro, pusestes-lhe na cabeça coroa de puríssimo ouro.
Ele vos pediu a vida, vós lha concedestes, uma vida cujos dias serão eternos.

Grande é a sua glória, devida à vossa proteção; vós o cobristes de majestade e esplendor.
Sim, fizestes dele o objeto de vossas eternas bênçãos, de alegria o cobristes com a vossa presença,
pois o rei confiou no Senhor. Graças ao Altíssimo não será abalado.

Que tua mão, ó rei, apanhe teus inimigos, que tua mão atinja os que te odeiam.
Tu os tornarás como fornalha ardente, quando apareceres diante deles. Que o Senhor em sua cólera os consuma, e que o fogo os devore.
Fazer desaparecer da terra a posteridade deles e a sua descendência dentre os filhos dos homens.
Se intentarem fazer-te mal, tramando algum plano, não o conseguirão,
porque os porás em fuga, dirigindo teu arco contra a face deles.
Erguei-vos, Senhor, em vossa potência! Cantaremos e celebraremos o vosso poder".


(Salmo 20)

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Aniversário

Meia noite.
Eu e meu irmão fomos pro quarto do meus pais.
Levamos os presentes.

Foi tudo tão lindo.
Painho, mainha, Irmão e eu juntos na cama.
Mainha dizendo:

-Só quero minha Saúde de volta.

E eu confirmando.

-Vai ter mainha.

Ficamos conversando um pouco depois fomos dormir.

Mais tarde Interior todo aqui em casa.
Mainha foi fazer outra pulsão, agora com a agulha grossa.
Resultado deve sair dia 06/04/10.

A noite fomos para pizzaria comemorar niver.
Faz tempo que não vejo a família unida assim. Descontraímos e por incrível que pareça estávamos felizes. Pois a Certeza que vai dá tudo certo era visível em cada olhar naquela mesa.

Tia Maria e Tia ló dormiram aqui em casa.
Rezamos o terço e mainha apagou no meio dele (por causa do remédio)

Mais um dia se passou.
E foi maravilhoso.

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Primeiros exames.

Acordamos logo cedo para os exames. Minha mãe estava sem comer por causa do jejum.
Entrei quando ela foi fazer o exame de sangue. E diversas vezes na espera meus olhos lacrimejaram, é tão ruim ver sua mãe triste e arrasada e você está com as mãos atadas sem poder fazer nada.
Ligações em cima de ligações, o resultado se espalhando pela a família inteira.
Eu demonstrando uma força que só Deus poderia me dá naquela hora.

Eu não peço a Deus o maior milagre do mundo, um milagre instantâneo, que quando a minha mãe vá novamente ao médico não tenha mais nada. Não me acho digna disso.
Mas peço a Deus o milagre através dos médicos, da quimo e de todo tratamento.
Eu sei no Deus que confio e sei que jamais ele desampara aqueles que amam.
Acolho todo esse sofrimento sem reclamar. Ele mais que ninguém sabe o que preciso.
Confio meu futuro, meus plano e meus sonhos a Ele porque Deus sabe o que é melhor pra mim e para minha família.


Minha mãe fez a mamografia em Dezembro mas só a duas semanas atrás foi levar a uma ginecologista.
Mas ela não escondeu o exame, somente por ignorância leu e pensou que não havia nada demais pois tinha Micro calcificações suspeitas.
Só que acredito que em Dezembro não era o tempo de Deus, Ele tem um plano e achou melhor no mês de Abril e exatamente 2 dias antes do aniversário dela.

Peguei os exames e levei ao Hospital onde minha mãe estava para se consultar com outra mastologista pois o primeiro medico que a atendeu não foi nada humano, mal examinou e disse que ela teria que retirar a mama inteira.
Ao ler os exames um maior alivio tive, a ultra sonografia tonal mostrou que todos os órgãos estão otimos, o hemograma que tudo tá perfeito e o raio-x do tórax PA e PE só mostrou o nodulo.
Ao chegar lá contei isso a ela que por sinal ficou muito otimista.

Fui para o shopping comprar o presente dela. Amanha estará fazendo 43 anos.
Quando chegaram vi uma outra mulher entrar pela a porta da minha casa.
Uma mulher confiante. Ela adorou a nova mastologista que falou que poderá fazer a reconstituição da mama no mesmo dia que vai fazer a cirurgia.
E ainda falou:

-Você não deve se preocupar com a doença. Essa doença agora é minha e não mais sua. Sou eu quem vai cuidar dela.

Depois passou remédios para ela conseguir dormir pois a dias ela não conseguira.


Acho um absurdo o sistema publico de saúde. Aqui em alagoas está suspenso as cirurgias. Pois o governo não está pagando os médicos.
Verba tem, o que não tem é respeito pelo o ser humano. Mas se fosse alguém da família deles? será que iriam esperar?
Estamos vendo o que vamos fazer.

Provavelmente será particular mesmo.



A noite antes de dormir:

"Vinde, voltemos ao Senhor,
ele feriu-nos, ele nos curará;
ele causou a ferida, ele a pensará.

Dar-nos-á de novo a vida em dois dias;
ao terceiro dia levantar-nós-á,
e viveremos em sua presença.
Apliquemos-nos a conhecer o Senhor;
sua vinda é certa como a da aurora;
ele virá a nós como a chuva,
como a chuva da primavera que irriga a terra."
Que te farei, Efraim?
Que te farei, Judá?
Vosso amor é como a nuvem da manhã,
Como o orvalho que logo se dissipa.
Por isso é que os castiguei pelos profetas,
e os mateis pelas palavras de minha boca,
e meu juízo resplandece como o relâmpago,
porque eu quero o amor mais que os sacrifícios,
e o conhecimento de Deus mais que os holocaustos,

Mas eles violaram vergonhosamente a aliança e traíram-me.
Galaad é uma cidade de malfeitores,
cheia de traços de sangue;
os bandidos são a força dela, uma quadrilha de sacerdotes;
assassinam no caminho de Siquém,
porque seu proceder é criminoso.
Vi horrores na casa de Israel:
ali cresce a prostituição de Efraim: ali se mancha Israel.
Apesar de tudo, Judá há de ter boa colheita,
quando eu restaurar o meu povo,
quando eu curar Israel.


(Oséias 6, 1-11)

quarta-feira, 28 de abril de 2010

A descoberta.






Tudo começa de um jeito assustador. Primeiro uma suspeita, depois a pulsão e no fim o resultado. Na quinta-feira dia 28/04/10, por telefone recebi a noticia do meu pai, que foi bem claro:
-O resultado foi positivo, ela vai fazer a cirurgia e depois ira precisar quimioterapia.
E foi mais claro ainda de como eu deveria agir.
-Não chore quando chegar em casa, devemos passar toda confiança a ela, agora vamos lutar para sua mãe ficar boa!

É difícil se controlar. Meu chão se abriu e comecei a ver tudo com outros olhos.
Posso te dizer que em apenas algumas horas (até chegar em casa) amadureci 10 anos. Meus pensamentos começaram a me confundir e na mesma hora fui ao Google pegar todas informações possíveis (E não recomendo isso a ninguém, só faz confundir ainda mais a cabeça e não trás coisas boas.).
Você nunca imagina que isso pode ocorrer com você, com alguém que você ama, com a pessoa que você mais ama.
O erro do ser humano é pensar que temos aqueles que nos são preciosos para sempre e que também vamos viver para sempre.



Assim que cheguei em casa,não tinha ninguém, pude então me preparar pra tudo. Um tempo sozinha.
Chegaram logo após, meu coração ficou apertadinho, nem tinha o que falar mas precisava, então fui logo perguntando o que iria ser feito, como, onde. (apesar de saber que eles ainda não iriam ter respostas)
Nessa hora estava na net e aos meus amigos desabafei.

Apesar de tudo sentia que Deus estava comigo, me dando fortaleza para não chorar e sabedoria nas palavras.
Acredito que Deus sabe o que faz e só permite que uma pessoa carregue uma cruz que possa suportar, ele conhece minhas fraquezas mais do que eu mesma.

No outro dia decidimos começar a fazer os exames pré-cirúrgicos. E eu vou junto.
Quero está com minha mãe em todos esse momentos. Não quero perder um segundo de nada, quero ajudar a minha mãe a segurar essa cruz.

Antes de dormir abri a bíblia e fui rezar.. a palavra que Deus me mostrou através de um amigo foi:


"Em verdade, em verdade vos digo: o que pedires ao Pai em meu nome, ele vos-lo dará. Até agora não pedires nada em meu nome. Pedi e recebereis, para que a vossa alegria seja perfeita."

(joão 16, 23-24)